• Produzir e difundir a cultura LGBTI a partir da Arte Drag, entendida como expressão de questões políticas e sociais e como peça fundamental para a construção de uma crítica à realidade do Distrito Federal, do Brasil e do mundo;
  • Fortalecer e defender a pluralidade de expressões das identidades LGBTI e Drag Queen;
  • Promover e defender a educação e os direitos humanos das pessoas LGBTIs;
  • Reivindicar, protestar e usar os meios legais para combater todas as formas de discriminação, em especial a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero, o machismo, o racismo e a LGBTIfobia, valendo-se, inclusive, do direito de resposta perante os meios de comunicação;
  • Promover campanhas gerais e/ou informativas relacionadas com os direitos das pessoas LGBTIs e com a cultura Drag;
  • Publicar livros, revistas, panfletos, calendários, entre outros, e manter portais e blogs na internet para difundir a cultura e promover os direitos das pessoas LGBTIs e das Drag Queens;
  • Realizar e promover cursos, seminários, oficinas, palestras, fóruns de debates e encontros que atendam as necessidades de aprofundamento dos temas relevantes à realidade das pessoas LGBTIs e das Drag Queens;
  • Apoiar e realizar estudos e pesquisas relacionadas com a cultura e a arte Drag e das pessoas LGBTIs;
  • Manter cadastro atualizado das Drag Queens que atuam no Distrito Federal;
  • Apoiar a iniciativas que visem o alcance da cidadania plena das pessoas LGBTIs;
  • Oferecer serviços gratuitos, temporários ou permanentes, para as pessoas LGBTIs e Drag Queens, sem distinção de nacionalidade, sexo, raça, cor, orientação sexual, identidade de gênero, crença política e religião;
  • Apoiar e lutar junto com as organizações populares e movimentos sociais que trabalham para a construção de uma sociedade politicamente soberana e democrática, economicamente igual, socialmente justa e radicalmente livre.